terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Quando a cirurgia é feliz...

Pessoal, boa noite. Recebo muitos emails e mensagens com dúvidas sobre a cirurgia da escoliose. É super normal toda a insegurança que ronda este assunto, já que é uma operação complexa, arriscada e dolorida no pós-operatório. Procuro sempre passar uma resposta positiva de que se é necessário, vai dar certo e aproveito para responder as dúvidas dentro do que eu sei de minha experiência. Assim como eu passei por isso, muitas outras meninas e meninos também passam e ainda passarão. Hoje quero deixar aqui para vocês lerem o depoimento da Elaine Vieira, de São Paulo, porque achei muito interessante o fato dela estar comemorando 1 ano de operada. Tenho certeza que ela vai servir de força para muita gente.

Leiam:


"Há exatamente 1 ano, neste momento eu estava nervosa, insegura e com a absoluta certeza de que tudo daria errado!!! Hoje 365 dias depois, tenho a absoluta certeza de que tudo deu mais que certo e que só tenho a agradecer e me orgulhar dos 26 parafusos, 02 hastes e da "pequena" cicatriz que hoje fazem parte de minha vida. O meu eterno agradecimento ao Dr. Mauricio Antonelli Lehoczki e toda sua equipe, aos meus familiares, namorado e amigos, que sofreram e riram junto comigo!!! Desculpem pelo sofrimento por antecipação... mas agora passaria por tudo novamente, sem sombra de dúvidas, e sequer nenhum nervosismo!!! Estou feliz que meu blog "Minha cirurgia de escoliose" está ajudando muitas pessoas!!! OBRIGADO!!!"


Cicatriz da Elaine

8 comentários:

Elaine Vieira disse...

Ficou lindo Julia!!! Espero que possamos ajudar muita gente hoje e sempre!!!Parabéns pela iniciativa do livro que ficou espetacular e que com certeza também ajudará muita gente!!!
O que disse acima é a mais pura verdade...a cirurgia de escoliose foi a melhor coisa que me aconteceu...independente das crises que tinha eu não imaginava o quanto essa tortura me incomodava...hj em dias as pessoas me falam que depois da cirurgia me tornei outra pessoa!!! Um grande beijo!!!

Julia Barroso disse...

Muito legal você dar esse incentivo para as pessoas que ainda passarão por isso. e vc disse tudo no seu blog. O sofrimento dura 7 dias, depois passa!

PARABÉNS..

bjss

mary disse...

Por favor alguém que ja passou por cirurgia,me responda,no caso de uma pessoa que ama mto dançar(ballét classico)vcs acham que depois da cirurgia é possivel,voltar a dançar lembrando que os movimentos na maioria mexe direto com a coluna,tipo cambre essas coisas.

Julia Barroso disse...

Mary, leia só este post, tem a história da Gabi Galindo, bailarina que teve que operar: http://www.juliabarroso.com/2011/06/cicatriz-do-bem.html

bjs

Anônimo disse...

Estou chorando tanto de emoção... Há 9 anos atrás passei por 2 cirurgias de coluna, depois de anos de colete. Tanta dificuldade para encontrar pessoas como eu e tantas vezes até hoje, quando me pego para baixo com esse problema que não deixa de existir, embora tenha diminuído muito mais do que poderia imaginar, me pergunto se sou a única "diferente". Estou vendo que não. Será bom poder trocar idéias e poder compartilhar da minha história.
Não foi fácil e eu poderia ter ficado deprimida, introspectiva, mas sou feliz!!!

Anônimo disse...

Julia, sabe dizer se algum convenio cobre a cirurgia pelo Oswaldo Cruz? Obrigada. Larissa

Julia Barroso disse...

Oi Larissa, não sei se cobre, é preciso ligar lá e perguntar. Acredito mesmo que não. Mas não custa se informar.

Qualquer outra dúvida estou por aqui.

beijos

Anônimo disse...

Ola!Meu nome é ana,tenho 16 anos.estou esperando minha cirurgia sair.e ver o blog da Elaine esta me ajudando muito,me dando muita força,estou muito confiante e anciosa.beijos e obrigada

Postar um comentário